À segunda foi de vez. Depois do empate nos Açores no passado sábado para o campeonato, o Oriental venceu o Santa Clara por 3-1 no Campo Eng.º Carlos Salema em jogo a contar para a Taça da Liga e Mauro Bastos foi uma das figuras do encontro.

 

O avançado de 35 anos que apontou o segundo golo do conjunto grená e branco realçou que este foi “um jogo difícil” disputado contra uma equipa que aprendeu a respeitar o Oriental.

 

“O Santa Clara entrou para este encontro com uma atitude diferente porque viram que passaram por dificuldades nos Açores. Reconheceram a nossa qualidade e respeitaram-nos mais, mas acabámos por merecer a vitória especialmente pela segunda parte em que estivemos sempre por cima do jogo”, atirou.

 
Mauro Bastos nos festejos do segundo golo do Oriental
 
      

Quanto ao regresso ao Campo Eng.º Carlos Salema, Mauro Bastos não teve dúvidas em garantir que este é um fator decisivo para os Guerreiros de Marvila.

 

“Jogarmos no local onde treinamos todos os dias e onde o público nos conhece faz toda a diferença. Esta é a nossa casa e queremos jogar sempre aqui”, concluiu o camisola 52 do conjunto grená e branco.

 

O sonho está vivo!

Oriental: Mais que um Clube, uma Paixão.