Grande vitória do Oriental sobre o Marítimo B por 2-1 em partida disputada este sábado no Campo Eng.º Carlos Salema e relativa à 38.ª jornada da Segunda Liga. Mauro Bastos, na conversão de uma grande penalidade da qual resultou a expulsão do guarda-redes José Sá, e Tom, após boa jogada de envolvimento, assinaram os tentos que projetam o Oriental para o 14.º posto da classificação, já a 14 pontos de distância da linha de água.

 

A formação insultar até entrou melhor no jogo com duas boas ocasiões de perigo, mas o remate de Ibrahim à boca da baliza encontrou a oposição segura de Tiago Rosa (10’), enquanto o livre direto de Rúben Ferreira foi neutralizado por um Janota voador (15’).

 
 
 

À passagem do minuto 22 Bruno Aguiar surgiu isolado frente a José Sá que, já sem hipóteses de chegar ao esférico, derrubou o médio orientalista dentro da área. Perante a evidência, o árbitro da partida Ricardo Lourenço não hesitou em admoestar o guardião maritimista com o cartão vermelho direto e na marcação da grande penalidade Mauro Bastos não perdoou, inaugurando assim o marcador (25’).

 

A vantagem galvanizou os pupilos de João Barbosa que ao minuto 32 chegaram ao 2-0 através de uma vistosa combinação entre Bruno Aguiar e João Pedro pela esquerda que culminou com o cruzamento do lateral para o segundo poste onde Tom, oportuno, encostou para o fundo das redes.

 

Na etapa complementar o ritmo abrandou e o Oriental apostou na posse de bola e na gestão do resultado que lhe era em tudo favorável e o Marítimo B revelou-se incapaz de contrariar a superioridade do conjunto grená e branco até ao minuto 74, momento em que chegou ao golo de forma controversa. Numa altura em que Tom se encontrava deitado no relvado a necessitar de assistência, a turma forasteira não atirou a bola para fora tal como os Guerreiros de Marvila haviam feito segundos antes numa situação oposta e seguiu o jogo com o cruzamento de Marcos Barbeiro a ser concretizado sem oposição por Ibrahim (74’).

 

Até ao apito final o jogo ficou mais aberto e já nos descontos Igor Rossi pelo Marítimo B (90’+2) e Tom pelo Oriental (90’+3) dispuseram de oportunidades soberanas para faturar, sem que no entanto o marcador voltasse a sofrer alterações. O triunfo por 2-1 tem especial sabor pelo elevado número de lesionados e castigados que o Oriental apresentou para este jogo, facto que tornou ainda mais valioso o trabalho de todos aqueles que conseguiram angariar mais três preciosos pontos para a formação de Marvila.

 

Com este resultado o Oriental ascende ao 14.º posto da tabela classificativa com 49 pontos, mas 14 que a equipa situada na posição cimeira da zona de despromoção. O próximo encontro é já na quarta-feira, 15 de Abril, às 16h00 contra o SC Braga B no Estádio Municipal de Braga.