Se ainda existiam dúvidas, os Guerreiros de Marvila dissiparam-nas na totalidade. Em partida da 41.ª jornada da Segunda Liga, o Oriental bateu a Oliveirense por 1-0 no Campo Eng.° Carlos Salema e garantiu matematicamente a manutenção. Uma confirmação mais que merecida para equipa técnica e jogadores que deram tudo pelas cores do Oriental ao longo de uma temporada longa e dura.

 

A partida começou pautada pelo equilíbrio mas foram do Oriental as duas primeiras ocasiões de perigo. Logo aos 5 minutos o livre direto de Pedro Alves sofreu o desvio de Yero e seguia para golo não fosse a vistosa intervenção do guardião Hélder Godinho. Pouco depois a bola oriunda do canto de Tom ficou perdida na área mas a emenda de André Almeida saiu ao lado (15').

   
 

À passagem do minuto 23 Yero viu o cartão vermelho direto por cotovelada em André Almeida que o deixou com a cabeça banhada em sangue. Numa altura em que o defesa central orientalista já aguardava ordem para regressar ao terreno de jogo após assistência, Oliveira surgiu em boa posição para finalizar mas a mancha de Janota revelou-se intransponível. Aos 41 minutos o remate de meia distância de Roncatto obrigou Hélder Godinho a defesa apertada e na sequência do canto Bruno Aguiar inaugurou o marcador num lance tirado a papel químico do anterior mas desta feita com um final feliz (42').

 

Na segunda metade o Oriental apresentou-se com Daniel Almeida a ponta-de-lança e a estratégia quase teve efeitos imediatos com o remate de Roncatto a passar muito perto do alvo (47'). O conjunto grená e branco mostrou-se dominador em quase todos os momentos do jogo e aos 65 minutos esteve novamente perto de faturar por Daniel Almeida que chegou poucos centímetros atrasado ao cruzamento de Pedro Alves. Muitas mais oportunidades para matar o jogo foram criadas sem o desejado desfecho pelo Oriental e perante a ineficácia orientalista a Oliveirense ainda tentou a sorte aos 70 minutos na sequência de uma bola parada.

 

O esforço final da turma forasteira revelou-se inglório face à supremacia da formação de Marvila e a vitória acabou por sorrir com naturalidade à melhor equipa em campo. O triunfo coloca o Oriental na 13.ª posição da Segunda Liga com 55 pontos e o próximo encontro é já na quarta-feira, 06 de Maio, às 16h00 no Estádio Municipal José Santos Pinto contra o Sp. Covilhã.